18 Novos clipes nacionais

663
0
COMPARTILHAR:

Reunimos mais uma leva de clipes lançados recentemente que você não pode deixar de assistir. Tem muita novidade bem interessante e candidatos a figurarem na nossa lista de melhores do ano. Arrisca a dar um palpite? Assista aos vídeos e nos diga!

Sem tabus, sem romantizar e sem censuras, o sexo da forma como ele é levou o cantor, compositor e ator Jairo Pereira a compôr “Química”, primeiro single do disco Mutum, lançamento de seu trabalho solo, homônimo. Com a direção de Aimê Uehara, o clipe revela o resultado de dois meses de reuniões com quatro mulheres e dois dias de dinâmicas físicas entre estranhos.


Os Ex-Fumantes acabaram de lançar o seu primeiro  EP Brazilian Max, pelo selo Crooked Tree Records. Agora a banda faz a estreia do clipe da faixa “San José”. Com uma atmosfera retrô, o vídeo mostra os integrantes em momentos de descontração e se apresentando em palcos e calçadas.


Com mais um belo trabalho, a Medulla apresenta o clipe de “Deus”, do seu mais recente álbum Deus e o Átomo.  Dirigido por CUPA, o vídeo tem como protagonistas anônimos da cidade de Descalvado, interior de São Paulo, como forma de ressaltar a simplicidade e a busca da felicidade nas pequenas coisas. Local onde um dos integrantes, o guitarrista Alex Vinicius, viveu a sua infância.


Abordando as relações amorosas em tempos de ódio e intolerância, os Cartolas lançaram o seu novo single “ZeroaZero”.  Para apresentar a canção, os gaúchos liberaram um clipe, nada literal, que mostra o grupo em várias locações da cidade de Porto Alegre, que indicam mudanças de roupas, de dias, de espaços, mas não criam exatamente uma mudança de paradigma. A direção é de Fábio Alt.


Os Estranhos Românticos continuam a divulgar o álbum homônimo, lançado em 2016. Dessa vez a banda disponibilizou o lyric video-clipe de ‘Moderno Mundo’. Dirigido e editado pelo tecladista Luciano Cian, o registro audiovisual utilizou cenas de bancos de imagem (normalmente utilizadas pela publicidade), que em contraponto à letra romântico-existencialista da música ganham outros sentidos.


Com visual inspirado em computadores dos anos 90, o cantor Victor Cavalcanti lança o seu primeiro lyric video. A faixa escolhida foi o rap “Reinando”, que faz parte do projeto  multimídia Caos. O lançamento mostra o músico envolto a efeitos visuais e gifs, em um visual retrô.


O grande samba composto por Leci Brandão, “Zé do Caroço”, que em 2018 completa 40 anos, ganhou uma versão Rock dos cariocas da Canto Cego. Trazendo pra realidade atual da periferia do Rio, a banda soltou um clipe com uma produção caprichada e imagens de comunidades cariocas homenageando os líderes comunitários do país. Dirigido pela vocalista Roberta Dittz, o vídeo traz artistas, ativistas e líderes sociais do Complexo do Alemão, Bangu e Nova Iguaçu, além da própria Leci, em participação especial.


Com a cara do verão, o novo single do trio carioca Cooltura vem acompanhado de um clipe gravado na Praia da Barra da Tijuca, um dos points mais badalados da orla Rio. O rap acústico “Ringtone” fala do ritual de conquista entre um casal apaixonado, que é iniciado na conversa via celular e termina com os dois passando a noite juntos.


Projeto do jovem gaúcho Eric Ross, EROSS fez a sua estreia audiovisual com o indie psicodélico “Seja Bem-vinda”, do seu primeiro disco. Assim como a faixa, o clipe conta com a participação de Gabriel Ribeiro (Bread), da banda Casa Muscaria. Produzido por Matheus Lamaison, o vídeo traz imagens da cidade natal do cantor, Nova Prata, no Rio Grande do Sul.


Se preparando para o próximo trabalho, a banda Alaska encerra o ciclo do disco Onda com o lançamento do clipe da faixa “Correndo com Tesouras”. Dando algumas pistas do que está por vir, o vídeo traz recortes de cenas instigantes, inquietas e até angustiantes com intuito de provar diferentes sensações no espectador


Com uma estética meio caseira, efeitos visuais e dancinhas desengonçadas Erick Endres apresenta o vídeo de “Don’t Think I’m Crazy”. A música, um rock swingado, faz parte do disco Mystic Love, lançado pela LoopDiscos. A direção, fotografia e montagem é assinada por Ricardo De Carli.


As relações humanas e a melancolia são os temas do clipe de “Onde a Poeira Pousa”, canção do primeiro EP do cantor paulista Vinicius Damião. Dirigido por Thiago Ozelami, o vídeo traz o músico como narrador protagonista que se espalha por vários pontos e situações na cidade de São Paulo, através de personagens distintos, que vivem dilemas distintos.  Destaque para a bela fotografia de Daniel Belinky.


Fazendo crítica à classe política e suas artimanhas para manter-se no poder, o cantor e compositor Sid Ferreira lança o clipe “F.D.P. (Filosofia dos Políticos)”, faixa do álbum Outros 500, que será lançado em breve.  O músico apresenta a canção com um clipe gravado no estúdio Camelo Azul e a companhia de Rômulo Duarte (Baixo acústico),   Vitor Vieira (Bateria) e Sérgio Pinheiro (Piano elétrico).


Outra aposta na temática política é o clipe de “Hipnose”, da banda do Maranhão, mas radicada no Rio de Janeiro, unDRONES. Gravado em plano sequência, o vídeo percorrer vários ambientes de uma casa onde em cada cômodo atores representam uma crítica a situação sociopolítica do país. A direção é de Helton Lopes.


“Contramão”, faixa que faz parte do disco de estreia da Clangendum ganhou um webclipe em homenagem ao primeiro show da Turnê PsicoDisco. Com um estética oitentista, o vídeo mostra cenas da apresentação dos niteroienses no Teatro Sérgio Porto em textura VHS.


Só no sapatinho, o cantor Mario Ghanna mostra o seu samba com o clipe de “Se Angelina Ligar”. Gravado no Instituto Juarez Machado em Joinville, um dos mais renomados centros culturais e de exposições do Brasil, o vídeo traz Ghanna cantando e tocando acompanhado dos músicos Fernando Galetto, ‘Guxa’ (Cavaquinho) Michel Falcão (Baixo), Marinho Moreira (Percussão) e Cadu Floriani (Bateria). A direção e a produção é assinada por Menderson Madruga.


Conceitual e com belas paisagens, o primeiro clipe de Nina Fernandes, “Cruel”, marca a estreia da cantora, que recentemente assinou com o selo Slap. Dirigido pelas Irmãs Fridman, o vídeo da música apresenta cenários diferentes, figurinos fantasiosos e elementos lúdicos.

A faixa autoral faz parte da trilha sonora da novela das 18h da Globo, Tempo de Amar.


Uma das novidades do Rio de Janeiro, a cantora e compositora Taslim faz uma exaltação a raça negra em seu primeiro single “Pretambulando”. No videoclipe, que conta com a direção de Victor Fiuza, a proposta foi traduzir em imagens a força e a beleza da letra. Para isso, o videoclipe conta com movimentos fortes e característicos de quatro bailarinos que ajudam a mostrar que, como diz a letra da música, “preto é o tamanho do meu caminhar”.

COMPARTILHAR:

Comentários no Facebook