Camões canta a melancolia do amor moderno em “Paraty”

262
0
COMPARTILHAR:

​Após apresentar singles com sintetizadores e uma estética dançante, Camões vem mostrar uma de suas canções mais delicadas. Sem deixar a levada Pop, “Paraty” traz uma bossa com a cara do Rio, não por acaso, já que é a casa do cantor e a letra que reflete a efemeridade das paixões, amores modernos e a agonia que essa sensação causa, tem como cenário o estado.

Disponível nas plataformas digitais, a faixa faz uma citação a “Bye Bye Brasil”, de Chico Buarque e Roberto Menescal, no trecho em que enumera tudo que fez para tentar manter a paixão viva, comparando ao peso da jornada descrita na clássica canção.

Atualmente em uma turnê em um formato intimista voz e guitarra por Portugal, Camões se prepara para seu primeiro álbum cheio, sucessor dos EPs Cupim e Anilina e dos singles “Cumbia da Gota” e “Nova Aurora“. O single é lançado pelo selo Milk Digital.

COMPARTILHAR:

Comentários no Facebook