Entrevista: Wado e Irmão Carlos

3752
121
COMPARTILHAR:

No próximo sábado, 29, os cantores e compositores Wado e Irmão Carlos se apresentam juntos em Salvador, no Irish Pub,  pelo projeto NHL Apresenta. Este encontro musical, em sua terceira ocorrência, consolida a parceria entre dois artistas que guardam identificações e admirações mútuas. Celebrando 16 anos de carreira, o alagoano Wado apresenta pela primeira vez na cidade o show do disco Ivete – indicado como melhor álbum de 2016 pela Associação Paulista de Críticos de Arte. Já o baiano Irmão Carlos pisa firme no salão com o show do seu primeiro trabalho solo que vem movimentando a cena musical da capital baiana através do projeto Incubadora Sonora. Um pouco mais sobre o que eles prepararam para esta noite você confere no papo que tiveram com o nosso colaborador Leandro Pessoa:

Wado e Irmão Carlos juntos pela terceira vez em Salvador. Como foi que surgiu essa parceria?

Irmão Carlos – Acompanho o trabalho de Wado há tempos. Acho sensacional a forma como ele compõe. Nosso primeiro show juntos foi nesse mesmo Pub. Daí no ano passado convidei ele pra Salvador pra dividir o palco comigo no projeto “Lá em Dona Neza” – ele topou e celebramos. A banda de apoio dele nesse dia foi a minha própria banda que tirou o repertório e tudo aconteceu. Foi uma noite massa, até cantamos juntos “Têta”.

Wado – O Carlos me deu essa oportunidade de tocar lá no Dona Neuza. Foi uma experiência linda ver a cidade a partir da comunidade. Carlos é velho parceiro, guerreiro de muito talento e carisma – temos uma admiração mútua. Sábado vamos celebrar essa amizade e vou levar meu disco novo, Ivete,  a Salvador. Esse disco é uma declaração de amor a música da Bahia. Vamos fazer um show bem sacudido.

Wado, qual a primeira recordação que tu tem da sua relação com a música baiana? Como que é pra você compor dentro dessa linguagem?

Wado – Eu ouvia muita música baiana, pois tocava direto no rádio aqui em Maceió. Curti muito os axés dos primórdios, os de oitenta que eram políticos, de afirmação negra, de celebração e também de denúncia. Meu primeiro sarro com uma mulher foi dançando Axé. Tenho uma memória afetiva grande com ele. Aprecio as temáticas do nordeste da África, do Egito e cercanias. Essa memória passei a expressar nas canções, começou lá no Atlântico Negro e cristalizou agora com o Ivete. Não tinha como não levar esse show pra Salvador.

E tu Irmão? Tu viveu esse período de formação da indústria musical baiana. Onde que você estava?

Irmão Carlos – Lembro que quando era pivete eu e minha turma fazíamos batuque no fundo do buzu. Assim eram as crianças da  periferia nessa época: cantávamos Muzenza, Olodum, Edson Gomes, Gerônimo, Lazzo e, no meu caso, já misturava com umas dos Titãs, Cólera e Garotos Podres na batida do samba reggae (risos). As letras  tinham cunho histórico/político e muitas falavam de revolta e revolução. A identidade negra era muito bem afirmada nas canções. Paralelo a essa turma, a coisa ia aos poucos ficando mais pop, mas ainda sim, genuinamente baiana. As letras já não eram tão políticas,  mas representavam a Bahia. Com a chegada das gravadoras gringas no Brasil, a coisa se fechou e foi ficando cada vez mais plastificada e descartável. Um jornalista, um tal de Hagamenom Brito, usou o termo Axé music, em tom de ironia, e pegou igual a apelido. Tem gente que diz que isso tem 30 anos. Eu digo que tem 25. Os 5 primeiros ainda eram genuínos e tinham essência.

Irmão, em seu primeiro disco solo me chama atenção a presença de canções que tratam de questões pessoais. No palco você se vê nu, assim como na capa?

Irmão Carlos – Expor minha própria vivência foi o modo que encontrei para resolver meus problemas comigo mermo, ainda que de forma irônica. A música acaba funcionando como terapia também. Quando solto pro mundo minhas inquietações, me sinto mais tranquilo.  Na real acho que  isso acontece em todo o disco. “Engrenagem da Ilusão” é uma que não falo diretamente de mim, embora use o “Eu”, mas no fim é uma visão geral, na qual eu tb faço parte.No palco a sensação é sempre de desabafo.  É como  a fé! Removendo a montanha que a gente carrega.

COMPARTILHAR:

121 comments

  1. vurtilopmer 18 dezembro, 2019 at 08:57

    Excellent blog here! Also your web site loads up very fast! What web host are you using? Can I get your affiliate link to your host? I wish my site loaded up as fast as yours lol

  2. download virtual dj 5 full crack 7 fevereiro, 2020 at 04:02

    Superb blog! Do you have any tips and hints for aspiring writers? I’m hoping to start my own website soon but I’m a little lost on everything. Would you recommend starting with a free platform like WordPress or go for a paid option? There are so many options out there that I’m totally overwhelmed .. Any tips? Many thanks!| а

  3. gta vice city 2020 free download for windows 10 8 fevereiro, 2020 at 20:40

    I’m really enjoying the theme/design of your website. Do you ever run into any internet browser compatibility problems? A small number of my blog readers have complained about my website not operating correctly in Explorer but looks great in Opera. Do you have any tips to help fix this problem?| а

  4. portable oxford dictionary download for mobile offline free 10 fevereiro, 2020 at 04:04

    Undeniably believe that which you stated. Your favorite reason appeared to be on the net the easiest thing to be aware of. I say to you, I definitely get annoyed while people think about worries that they just don’t know about. You managed to hit the nail upon the top and also defined out the whole thing without having side effect , people could take a signal. Will probably be back to get more. Thanks| а

  5. south dakota topographic map packs 11 fevereiro, 2020 at 00:09

    Hello there, just was alert to your blog via Google, and found that it’s truly informative. I’m going to be careful for brussels. I’ll appreciate should you proceed this in future. Numerous other people will probably be benefited out of your writing. Cheers!| а

  6. договор подряда на строительство дачного дома 12 fevereiro, 2020 at 13:10

    I have been exploring for a bit for any high-quality articles or weblog posts in this sort of house . Exploring in Yahoo I ultimately stumbled upon this site. Reading this info So i’m happy to show that I have an incredibly just right uncanny feeling I found out just what I needed. I such a lot no doubt will make sure to don?t fail to remember this web site and give it a glance on a relentless basis.| а

  7. express rip cd ripper serial 1.97 12 fevereiro, 2020 at 20:12

    Hello there! This is kind of off topic but I need some advice from an established blog. Is it tough to set up your own blog? I’m not very techincal but I can figure things out pretty fast. I’m thinking about making my own but I’m not sure where to start. Do you have any points or suggestions? Thank you| а

  8. ig 14 fevereiro, 2020 at 07:39

    I think this is among the most significant information for me.
    And i’m glad reading your article. But wanna remark on few
    general things, The site style is wonderful, the articles
    is really excellent : D. Good job, cheers

  9. положение договорного отделa 16 fevereiro, 2020 at 02:19

    My coder is trying to persuade me to move to .net from PHP. I have always disliked the idea because of the costs. But he’s tryiong none the less. I’ve been using Movable-type on a variety of websites for about a year and am anxious about switching to another platform. I have heard great things about blogengine.net. Is there a way I can import all my wordpress content into it? Any kind of help would be really appreciated!| а

  10. биология 11 класс учебник беларусь маглыш 16 fevereiro, 2020 at 09:25

    I have been exploring for a bit for any high quality articles or weblog posts in this sort of area . Exploring in Yahoo I at last stumbled upon this website. Studying this info So i am satisfied to convey that I’ve a very excellent uncanny feeling I came upon just what I needed. I such a lot surely will make sure to do not fail to remember this website and provides it a glance on a relentless basis.| а

Leave a reply